×
ArabicEnglishFrenchItalianJapanesePortugueseSpanish

Companhias Aéreas

Azul tem prejuízo de R$ 2,94 bilhões no 2º trimestre

A receita consolidada da Azul caiu 85% para R$ 401,6 milhões. A maior queda foi do serviço a passageiros, cujo faturamento caiu 89%, para R$ 282,5 milhões


Azul tem prejuízo de R$ 2,94 bilhões no 2º trimestre

Imagem: João Carlos Medau/Wikimedia

Valor Investe – A companhia aérea Azul registrou prejuízo líquido de R$ 2,94 bilhões no segundo trimestre, com o resultado pressionado pelos efeitos da covid-19 no setor de aviação. Um ano antes, a empresa teve lucro de R$ 351,6 milhões.

A receita consolidada da Azul caiu 85% para R$ 401,6 milhões. A maior queda foi do serviço a passageiros, cujo faturamento caiu 89%, para R$ 282,5 milhões, com menos voos sendo oferecidos. Já a receita dos serviços de cargas e da Azul Viagens caiu 8,5%, para R$ 119,1 milhões.

O resultado antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) foi negativo em R$ 324,3 milhões, ante um resultado positivo de R$ 733,2 milhões. A queda mostrou forte pressão na margem, que passou de 28% para -80,8%.

A empresa apresentou um prejuízo ajustado de R$ 1,5 milhão. Esse indicador exclui ganhos e perdas com marcação a mercado e variação cambial, por não haver efeito caixa, destaca a Azul.